Benefícios do azeite de oliva para crianças e gestantes

Vantagens do azeite de oliva para futuras mamães e crianças

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Se existe um alimento que nunca pode faltar em qualquer dieta saudável que se aprecie é o azeite de oliva. Ingrediente fundamental da dieta mediterrânea é algo que não se deve se esquecer na hora de estabelecer cardápios ricos em sabor e equilibrados em calorias. 

Por isso, nada melhor que conhecer os benefícios de comer com azeite de oliva para as mulheres que estão esperando um bebê e também para as crianças, já que é um produto essencial para o seu crescimento.

O azeite de oliva para as gestantes

benefícios-do-azeite-de-oliva-crianças-gestantes A

 - Reduz o colesterol ruim: Para muitas gestantes, o colesterol pode se converter em um problema. No entanto, quando se incorpora na dieta – sem abusar – o azeite de oliva pode baixar. O colesterol ruim pode se mantido à distância se ingerirmos azeite de oliva, porque os seus níveis de ácido oléico ajudam com que não subam. 

- Favorece o aparelho circulatório: Algo muito importante do azeite de oliva na gravidez é que ajuda com que o aparelho circulatório esteja em melhores condições. Isso quer dizer que o seu alto conteúdo de Omega 3 é o que faz com que o sistema se encontre mais favorecido graças à sua ingestão reduzindo além disso o risco de sofrer aterosclerose

- Melhor desenvolvimento do bebê e estimula o crescimento: O desenvolvimento da criança também se vê melhorado naquelas mulheres que consomem azeite de oliva, já que a vitamina E que ele contribui é fundamental para o crescimento do bebê no interior da mãe e isso pode ser proporcionado com a sua ingestão. Essa vitamina é uma das que mais contribui para a gestante (nutricionalmente falando) através do ácido oléico do azeite de oliva e também ajuda com que as crianças tenham melhores etapas de crescimento. 

- Benefícios estéticos: Quando estamos grávidas também queremos nos sentir bonitas e as alterações hormonais não podem tirar o brilho do processo em questão de beleza. A dieta mediterrânea, e em particular o azeite de oliva contribuem para que o cabelo, que é uma das partes mais afetadas na gravidez e no pós-parto esteja mais resplandecente, assim como a pele. De novo a vitamina E e também os polifenóis são os que ajudam com que as marcas da pele e os problemas hormonais que a gravidez aporta à derme atuem como antioxidantes e previnam a deterioração e o envelhecimento.  

Benefícios do azeite de oliva para as crianças

- Previne o colesterol infantil: Da mesma forma que os adultos, as crianças podem sofrer com colesterol alto. Este problema de saúde é muito comum em crianças com sobrepeso, e ainda que seja certa que uma vida saudável e equilibrada reduza estes níveis, a ingestão de azeite de oliva também faz com que se mantenham à distância graças ao ácido oléico que contém. 

- Aporta vitaminas ao organismo: Sem dúvida, o componente ‘estrela’ do azeite de oliva, além do ácido oléico é a vitamina E. Esta vitamina aporta o valor nutricional e vitamínico que as crianças precisam para ter um melhor desenvolvimento físico. Além disso, o Omega 3 e os ácidos graxos são fundamentais para que uma criança cresça mais sadia e mais forte. 

- Melhora as funções digestivas: A ingestão de azeite de oliva em crianças é muito importante porque sua contribuição nutricional com as vitaminas faz com que as funções do aparelho digestivo se desenvolvam de uma maneira muito mais correta. O aporte do azeite de oliva faz com que se estimule o crescimento e que se favoreça a absorção dos minerais e o cálcio e possa melhorar a digestão.

Marta Marciel

Redatora de GuiaInfantil.com