Mais cálcio e vitamina D para os ossos das crianças

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Não basta somente dar leite às crianças. Para que o cálcio seja absorvido pelo seu organismo e favoreça o fortalecimento dos ossos é indispensável que eles também consumam outros alimentos ricos em vitamina D.

Segundo os especialistas, mais da metade das crianças espanholas, por exemplo, apresentam déficit de vitamina D e somente um em cada 10 toma o cálcio necessário para prevenir problemas como fraturas, raquitismo e osteoporose nos ossos, transtornos dentais e tetania (câimbras musculares, convulsões e baixo nível de cálcio no sangue) na idade adulta. 

De acordo com a Sociedade Brasileira de Endocrinologia, a hipovitaminose D se trata de um problema mundial de saúde pública. 

A saúde dos ossos começa na infância

mais-cálcio-e-vitaminas-d-ossos-crianças A

O pão, o leite, o cálcio e a vitamina D são indispensáveis para aportar ao organismo nutrientes essenciais e manter assim um bom estado de saúde. O cálcio é o elemento fundamental dos dentes e dos ossos das crianças, e o mineral mais abundante do organismo humano. Os especialistas aconselham mais exercícios físicos, melhor alimentação e mais exposição das crianças ao sol para que tenham ossos sadios

Vitamina D para fixar o cálcio nos ossos das crianças

A vitamina D intervém na absorção do cálcio e se encontra em alimentos como a gema do ovo, óleo de fígado de peixe, queijos, manteiga, margarina e em peixes como o salmão, atum e sardinhas, ricos em ácidos graxos Omega 3. Quanto aos vegetais, como é o caso das acelgas e espinafres, a quantidade de vitamina D é mínima.

Estudos recentes asseguram que a vitamina D pode prevenir algumas patologias como a hipertensão, a osteoporose, determinados tipos de câncer e várias doenças autoimunes. 

No entanto, existem alguns cereais que possuem vitamina D agregada para compensar esta carência. Se requer que as crianças consumam entre 4 e 5 medidas lácteas diárias, se possível suplementadas com vitamina D, pratiquem algum esporte e se exponham aos raios do sol, encarregados de gerar essa vitamina no organismo, sempre que possível. De tudo isso dependerá sua saúde quando forem adultos. 

Vilma Medina

Diretora de GuiaInfantil.com