A janta das crianças

Se aconselha um jantar leve e nutritivo para as crianças

Vilma Medina

Vilma Medina

A volta ao colégio ou à escola implica numa mudança importante nos horários dos pequenos. Portanto é normal que se sintam mais cansados. Uma janta leve e nutritiva pode ajudá-los a repor as forças e a descansar melhor durante a noite. 

Todo início de aula é a mesma coisa: dificuldade para dormir no horário normal, o peso das mochilas cheias de livros e o esforço para assistir várias horas de aula durante o dia. Em ocasiões, ao terminar a jornada escolar, as crianças continuam com as atividades extraescolares, ou praticando algum esporte. Por isso uma alimentação adequada é um fator importante para que as crianças tenham força e ânimo durante todo o dia. 

O jantar: um momento de reunião

O jantar das crianças

Hoje em dia é normal que tanto o pai como a mãe trabalhem fora de casa. Isso implica que muitas crianças comam na escola, ou em horários diferentes dos pais, o que torna a janta na única refeição do dia que se pode realizar em família. É importante se sentar à mesa sem pressa para que a criança desfrute junto à sua família na janta, enquanto conversam e comentam o que ocorreu durante o dia. 

Para que as crianças possam se nutrir com uma alimentação equilibrada, é conveniente que os pais tenham à sua disposição o cardápio escolar semanal, quando elas almoçam na escola. Assim sendo, pode-se preparar a janta de acordo com o que ela já comeu naquele dia, podendo elaborar para elas o prato mais adequado do ponto de vista nutricional. Independentemente que a criança seja pequena ou maior, é conveniente que as jantas sejam leves, em pouca quantidade e pobres em gorduras, já que as jantas em grande quantidade e calóricas podem atrapalhar a criança a conciliar o sono

Nas escolas em que não são oferecidas refeições, é importante que os pais coloquem na mochila um pequeno lanche com frutas e sucos naturais, para que as crianças não fiquem à mercê de merendas calóricas como os salgadinhos e frituras.

Jantar variado e apetitoso 

Em geral, o mais indicado é que a janta inclua um prato de verduras, tanto cruas em forma de salada ou cozidas. No caso da criança tenha comido massa, arroz ou legumes na hora do almoço, convém oferecer a ela uma salada variada apresentada de uma maneira original com alimentos que acrescentem cor e se tornem mais apetitosos, ou um prato de verduras cozidas. Para que a verdura fique mais apetitosa para a criança é uma boa ideia fazê-la com recheios, como berinjela recheada, por exemplo. Desse modo ficará mais fácil conseguir que as crianças consumam de forma habitual esses alimentos sadios e nutritivos, que em geral não são do seu agrado. Se na hora do almoço a criança tenha comido uma salada ou um prato de verduras, à noite pode jantar uma massa ou arroz, omelete de batata. Vale a pena usar a imaginação e criatividade para pratos atrativos. 

Os pescados são alimentos saudáveis, mas os que mais apresentam problemas para as crianças devido às espinhas e alergias que podem provocar. O melhor é oferecer às crianças, pedaços que não tenham espinhas e cozinhá-los de formas diferentes para que a criança não se canse. 

Sobremesas sadias para crianças

De sobremesa, é aconselhável não abusar dos doces nem gorduras, que proporcionam um excesso de calorias impossíveis de queimar durante o sono noturno. Convém optar pelo consumo de frutas da estação, inteiras ou cortadas e mescladas numa deliciosa salada de frutas. Outra opção são os lácteos, que hoje em dia apresentam uma variedade de produtos.

Para que a alimentação das crianças seja equilibrada e evitar problemas de saúde como a obesidade infantil, é fundamental saber o que seu filho está comendo na merenda da escola e considerar a janta uma refeição tão importante quanto o almoço. Isso requer tempo e dedicação para se evitar o consumo excessivo de fast food, que as crianças adoram. 

Fonte consultada:
- Consumer

A boa e a má alimentação infantil

A boa e a má alimentação infantil

 A comida não deve ser um prêmio nem um castigo para as crianças. Para que tenhamos melhor saúde física, é necessário que comamos menos e que nossa comida seja rica em hidratos de carbono, contenha um terço de gorduras e o resto seja coberto por proteínas. E que paralelamente a isso, pratiquemos alguma atividade física diária.

A hora do jantar das crianças

A hora do jantar das crianças

A volta ao colégio ou à escola supõe-se uma mudança importante nos horários dos mais pequenos, por isso é normal que se sintam mais cansados. Sendo assim, uma janta leve e nutritiva pode ajudá-los a descansar melhor à noite.

Alimentação para bebês de 4 a 6 meses

Alimentação para bebês de 4 a 6 meses

Quando o bebê começa a comer de colher. A partir do 4º mês de vida, o bebê começa a comer alimentos mais sólidos. É a hora da papinha de frutas (pela tarde) que corresponderá a uma merenda com adição de vitaminas naturais e fibra que são importantes para a saúde do bebê.

Pudim de abobrinha. Receita para a comida ou jantar

Pudim de abobrinha. Receita para a comida ou jantar

Pudim de abobrinha. Uma receita que chamará a atenção das crianças. Esta é uma dessas receitas rápidas e fáceis de preparar e que ao mesmo tempo são ricas em nutrientes para todos da família.

Receita de ovos recheados com batata e tomate

Receita de ovos recheados com batata e tomate

Receita de ovos recheados com batata e tomate. Se você está buscando um prato suave, fácil de fazer e que te garanta que as crianças vão gostar, estes ovos recheados são perfeitos.

Filés de lombo de porco recheados

Filés de lombo de porco recheados

Lombinho de Porco Recheado com fiambre, queijo e tomate. Uma receita fácil e rápida para a comida ou o jantar das crianças. Também é ideal para os fins de semana da família.

Menos pressa e mais qualidade na hora de comer com as crianças

Menos pressa e mais qualidade na hora de comer com as crianças

Nessa vida em que muitos pais e mães estão a mil por hora e têm pouco ou menos tempo do que tinham nossas mães e avós para cozinhar, é fácil conseguir soluções fáceis. Cada vez mais congelados, comidas pré-cozidas e pizzas tem sido nossa refeição no dia a dia.

Fazer dieta durante a gravidez causa danos ao bebê

Fazer dieta durante a gravidez causa danos ao bebê

Todos os ginecologistas advertem as futuras mamães durante sua gravidez a levarem uma dieta saudável e equilibrada, já que disso depende, em boa medida, o bom desenvolvimento do bebê. Uma dieta insuficiente pode causar graves problemas de saúde no bebê.

Comer fora de casa com crianças celíacas

Comer fora de casa com crianças celíacas

Sair para comer fora de casa implica para os pais de uma criança celíaca uma verdadeira responsabilidade e uma vigilância constante. É muito frequente que, no começo da idade escolar, as crianças celíacas se deparem com maiores dificuldades na alimentação.

0 comentarios