Benefícios da meditação para as crianças

Como ensinar as crianças a meditar e que vantagens têm

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Meditar é focar a atenção em algo concreto, seja um pensamento, um objeto, a própria consciência, no próprio corpo, nossos pensamentos...

Praticar a meditação com crianças implica em realizar uma multidão de atividades em que as crianças estão focando sua atenção na sua respiração, em algo que estão vendo, em algo que estão fazendo...

Por que ensinar as crianças a meditarbenefícios-da-meditação-para-as-crianças A

 

Susan Kaiser Greenland, uma das pioneiras na prática da meditação com crianças no ocidente, explica um episódio em que o seu filho chega chorando na cozinha sem poder explicar o que está acontecendo. Ela, vendo que não tem sentido, pergunta-lhe uma e outra vez o que acontece e decide lhe mostrar uma bola de neve, dessas que se movem e você fica observando até que ela vá caindo até o chão. Ela mostra isso várias vezes até que o seu filho se acalma e então quando é capaz de contar o que está acontecendo.  

Meditar com crianças é observar como a neve cai; é dar um passeio observando o que acontece ao nosso redor; é olhar fixamente para uma fogueira; é contar respirações enquanto contamos pedrinhas. Meditar com crianças é se sentar com as mãos na barriga, em silêncio, observando como a barriga sobe e desce. Meditar com crianças é permanecer quietos, em silêncio, sabendo não tem que fazer nada mais do que respirar. 

Para que serve a meditação para as crianças 

Dalai Lama diz que se ensinarmos a meditação a cada criança de oito anos, eliminaremos a violência em apenas uma geração. Somente por esta razão valeria a pena tentá-lo. Mas, por que a meditação é tão potente? 

- Acalma: O primeiro e imediato efeito da meditação nas crianças é acalmar-se, se tranquilizar. As crianças, assim como os adultos, quando estão calmos, é quando podem focar sua atenção no que seja que vai ocorrer.

- Maior concentração: Uma vez que a calma chega, o seguinte passo é o enfoque da atenção naquilo que deseja. Isso pode ser controlar uma emoção, fazer um exercício, ouvir uma explicação, assistir a um filme, brincar com mamãe e papai, planejar uma ação, compreender a um amigo que tem um problema, dizer não a algo que possa ser perigoso. 

Efetivamente, a meditação ajuda a ‘alongar’ o músculo da atenção, e deste modo a pessoa fica mais consciente do que acontece dentro e fora dela mesma; do que deseja e do que não deseja. Do que sente e do que não sente. E do que desejam, sentem ou fazem os outros. 

15 benefícios que o seu filho obterá se ele medita

1. Será mais responsável, tanto das suas coisas materiais como das suas emoções, da sua vida e da sua felicidade. 

2. Gostará mais de si mesmo. 

3. Poderá se concentrar melhor ao ser capaz de focar sua atenção no que deseja, sem cair em distrações

4. Terá menos ansiedade e menos estresse.

5. Dormirá melhor.

6. Será menos impulsivo.

7. Terá mais autoestima, e mais segurança em si mesmo.

8. Melhorará o seu rendimento acadêmico

9. Melhorará o controle das suas emoções.

10. Melhorará suas relações sociais. Mostrará mais empatia e gratidão.

11. Melhorará o seu sistema imunológico.

12. Será menos violento.

13. Será capaz de enfrentar as frustrações e as dificuldades, já que desenvolverá mais capacidade de aceitação do que acontece.

14. Será feliz.

15. Lançará as bases de uma maturidade mais sólida.

Patricia Díaz-Caneja 

Pedagoga

Especializada em crianças com problemas de aprendizagem

Instrutora de Mindfulness