O aspecto de um recém-nascido

Como são os traços físicos dos recém-nascidos

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Um dos momentos mais esperados por todas as mulheres grávidas é aquele em que termina o trabalho de parto e o bebê se encontra em seus braços. Nesse instante podem finalmente ver o seu rostinho, tocar-lhe, abraçar-lhe, beijar-lhe e dar-lhe muito carinho, mas se dão conta de que o bebê recém-nascido não tem esse aspecto rosado e redondo dos anúncios. Parece inchado, tem a pele enrugada e está recoberto por uma substância esbranquiçada e gordura. 

Como é um bebê ao nascer

o-aspecto-de-um-recém-nascido A 

Para evitar que se preocupe ou se surpreenda na primeira vez que vir ao seu bebê é conveniente que saiba como é o aspecto dos recém-nascidos: 

- A pele do bebê: até que sua pele seja rosada, lisa e transparente passarão alguns dias. Os bebês nascem com a pele enrugada e inclusive podem ter uns pontinhos brancos no rosto que desaparecem ao longo de alguns dias. Se, de repente começam a sair-lhe alguns grãozinhos vermelhos, não se assuste, é um eritema tóxico, que vem como reação do contato da pele com o ar. Inclusive, a gordura do aleitamento materno pode produzir uma acne neonatal.

- O aspecto da cabeça do recém-nascido: a pressão que exerce o canal do parto sobre o bebê no processo do nascimento pode fazer que sua cabeça tenha formato cônico. Se o parto for instrumental e se utilizam fórceps, essa forma alongada é muito mais provável. A cabeça se torna arredondada nos dias seguintes ao parto. 

Também tem o que se chama fontanelas (ou moleiras); são espaços moles no crânio do recém-nascido porque os ossos não estão totalmente unidos. Dessa maneira, sua cabeça pôde se adaptar ao canal do parto. Vão fechando ao longo dos meses, geralmente aos 18 meses já estão fechadas. 

- Os olhos do bebê: os primeiros dias depois do parto, o aspecto dos olhos do bebê é de inchaço. A cor dos seus olhos foi definida na fertilização, no entanto, a cor definitiva não poderá ser vista até os cinco ou seis meses do bebê. Existem bebês que nascem com os olhos escuros e logo com o tempo se tornam claros. Da mesma maneira, durante o período de aleitamento, os olhos do bebê poderiam ser cinza ou azul escuro e com o passar do tempo vir a se tornar em cor castanho em definitivo. 

- O nariz do recém-nascido: muitos bebês têm um nariz que se assemelha ao dos boxeadores, está inchado, inclusive torto. Isso muda em alguns dias. 

- O cordão umbilical do bebê: no final da etapa de expulsão, o ginecologista cortará o cordão umbilical e colocará uma pinça no extremo para que vá se cicatrizando e finalmente caia. Em uma ou duas semanas, o cordão irá se tornando negro e ao final ficará o umbigo. Muitos pais sentem apreensão diante dessa feridinha do bebê. Não tinha medo de limpá-lo, pois o bebê não sente essa dor; basta usar água morna ou álcool 70% e deixá-lo secar ao ar livre para mantê-lo livre de infecções.  

- O pelo do recém-nascido: muitos bebês nascem com pelos nas costas, ombros e orelhas. Esse pelo pode ser muito fino e se conhece como lanugo. Vai desaparecendo ao longo das semanas.  

- As glândulas mamárias do bebê: devido aos hormônios que a mamãe transfere ao bebê, os recém-nascidos podem ter umas mamas grandes para o seu tamanho, e inclusive estas podem produzir gotinhas de leite; isso acontece tanto com meninos como meninas. 

Uma vez passadas as primeiras semanas depois do parto, o seu bebê começará a adotar um aspecto rosado, de pele lisa e suave, com olhos que cada vez buscam mais os seus e umas extremidades que irão se exercitando para poder realizar cada vez mais movimentos e ações mais complicadas.

Alba Caraballo

Editora de GuiaInfantil.com