O primeiro banho do bebê com o seu papai

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Nenhum pai se esquece do que sente quando prepara o primeiro banho do seu filho: o nervosismo, a insegurança, a emoção, o medo e as dúvidas. Sentir-se frágil e pequeno diante da grandeza de um momento aparentemente normal. Seja como for, o primeiro banho do recém-nascido é único, como todas as primeiras vezes do nosso filho. 

Muitas vezes esse primeiro banho termina em choro, porque o recém-nascido capta o nosso nervosismo, apesar de todo o carinho que demonstremos. Mas, pouco a pouco, ganhamos em destreza. O nervosismo perde espaço e deixa espaço para a segurança e proximidade. Nossas mãos se tornam mais firmes e o momento do banho se torna em um momento mágico que os pais aproveitam para unir laços com o seu filho. Por quê? Porque o bebê, no momento do banho, mostra-se mais receptivo a todos os estímulos. 

O banho de um recém-nascido com o seu pai

o-primeiro-banho-do-bebê-com-o-seu-pai A

A delicadeza, e por sua vez, a segurança que o pai adquire ao sustentar seu filho, a comunicação visual e táctil, a voz, as carícias e a cumplicidade entre pai e filho na hora do banho é maravilhosa. Um momento especial e único. 

O banho do bebê pode ser um mero momento de higiene ou um momento para estimular os sentidos do nosso filho. Porque durante o banho, o bebê se relaxa e se sente à vontade. Por isso, recomenda-se que o banho seja no final do dia, porque um bom banho relaxante pode assegurar um sono tranquilo e feliz para o recém-nascido. 

Utilize o banho para estimular o seu filho 

Mas, o banho também é um lugar fantástico de estímulo e brincadeiras: 

- Assegure-se que a água esteja na temperatura corporal (entre 35 e 37ºC) e que a temperatura ambiente em torno dos 25ºC. 

- Se você puder, banhe-se com ele, para que note o contato com a sua pele. Isso reafirma vínculos afetivos. O bebê se sente seguro e querido. 

- Se você conversa com ele de forma doce e mantém o contato visual com ele, atenderá melhor ao que você disser. Se brincar com ele, canta ou aproveita para repetir palavras vocalizando bem, você estará estimulando todos os seus sentidos. 

Você verá como logo ele dará aquele sorriso para você. Essa é a única forma que os recém-nascidos têm para dizer que estão felizes. 

Estefanía Esteban

Redatora de GuiaInfantil.com