Sintomas de carência afetiva em crianças

Por que as crianças necessitam de carinho para o seu desenvolvimento

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

A carência afetiva é uma situação de falta de cuidados, de proteção, de atenção e de apego que sofre ou tenha sofrido uma criança por parte da sua mãe ou familiares durante os primeiros anos de vida. 

Essa carência afetiva pode ser devido à multidão de circunstâncias como o abandono, o maltrato ou a outras situações familiares menos traumáticas, mas que deixam a criança negligenciada no plano afetivo e relacional. 

A necessidade de afeto para o desenvolvimento infantil

sintomas-de-carência-afetiva-crianças A 

Ao longo dos primeiros meses e anos, o bebê precisa de carícias, abraços, beijos e palavras carinhosas que estimulem o seu crescimento e amadurecimento cerebral. Sem este calor afetivo, sem esse apego materno-filial, o desenvolvimento neuronal não se completa adequadamente. Sabemos que não é suficiente alimentar ao bebê para que cresça saudável. Há que transmitir-lhe afeto e carinho, fazer-lhe sentir que é amado para que se desenvolva adequadamente não apenas no plano afetivo, mas também físico e mental. 

Na sociedade atual em que vivemos, imersos numa atividade frenética e com horários de trabalho pouco adequados para a conciliação familiar, são muitas as crianças que vivem com falta de afeto, de carinho e das relações afetivas necessárias para o seu correto desenvolvimento. Não é necessário que a criança seja objeto de causas extremas como o maltrato, negligência, abandono, longas internações, separações ou divórcios traumáticos para se encontrar numa situação de carência afetiva mais ou menos grave. Uns cuidados de pouca qualidade contribuem de maneira significativa à deterioração do desenvolvimento da criança. 

Crianças que passam horas e horas em frente a uma tela de televisão ou do computador, smartphones e tablets não estão desfrutando do afeto ou das interações sociais ou intelectuais que lhes correspondam à sua idade. Essa tendência de deixar a criança com uma ‘babá virtual’ durante longas horas cria um estilo de criação impessoal, orientando as crianças à tecnologia e abandonando o fator humano. 

6 sintomas de que o seu filho tem carências afetivas

As crianças que não se sentem queridas pelos seus pais, com um ambiente frio, hostil, agressivo ou negligente podem acabar desenvolvendo transtornos psicológicos mais ou menos graves. As consequências das carências afetivas sofridas durante os primeiros anos de vida são, com frequência, irremediáveis. Alguns desses sintomas são: 

1. Problemas com o controle dos impulsos, com alterações bruscas de comportamento e respostas agressivas. 

2. Desconfiança generalizada.

3. Deficiente desenvolvimento da linguagem e habilidades sociais

4. Déficit de atenção.

5. Transtornos de ansiedade

6. Dificuldades para expressar sentimentos e problemas para enfrentá-los. 

Todos esses sintomas podem chegar até a idade adulta e essas crianças se tornam pessoas egocêntricas, com escassas habilidades sociais e dependentes emocionalmente

Sara Tarrés

Psicóloga Infantil